Nosso Entendimento é Demorado

Por Eguinaldo Hélio de Souza

 

Quando estava à mesa com eles, tomou o pão, deu graças, partiu-o e o deu a eles. Então os olhos deles foram abertos e o reconheceram, e ele desapareceu da vista deles. Perguntaram-se um ao outro: “Não estava queimando o nosso coração, enquanto ele nos falava no caminho e nos expunha as Escrituras?” (Lucas 24.30-32)

Eu gostaria de dizer que nós sempre percebemos o agir do Senhor em nossas vidas e que sempre ouvimos seu falar aos nossos corações. Todavia, isto não é verdade. Inúmeras vezes Ele age e não vemos, Ele fala e não percebemos. Somos cegos e surdos para muitas coisas do Senhor.

Jesus andou com os discípulos no caminho de Emaús por um bom tempo. Onze quilômetros era a distância até Jerusalém. E embora Ele caminhasse e falasse com eles durante todo o trajeto, não o reconheceram e nem compreendiam as coisas que lhes dizia. A dor em seus corações, as dúvidas que agora açoitavam suas mentes, o espanto que sentiam – tudo isso era como que um véu impedindo que percebessem o agir e o falar do Senhor.

Não somos diferentes. Prestamos mais atenção aos nossos sentimentos, aos nossos pensamentos e ideias do que naquilo que o Senhor está fazendo e dizendo. Vivemos como se Ele estivesse longe e ausente de nós, quando sua promessa foi de que estaria conosco todos os dias até a consumação dos séculos. Nossa percepção, contudo, permanece embotada, nossos olhos fechados, nossos ouvidos ensurdecidos para aquilo que vem Dele.

Tenho certeza de que hoje você consegue perceber mais a mão do Senhor e ouvir seu falar muito mais do que no passado. Sua intimidade com Ele tem crescido e por isso você O sente mais e O ouve mais. E ainda, assim, em muitos momentos, você não percebeu sua presença nem ouviu sua voz.

O agir e o falar do Senhor em nós é constante. Ele não vem até nós de vez em quando em um culto abençoado, em uma Palavra especial, ou somente nas horas de agonia. Ele é Javé-Shamá, o Deus presente que nunca nos deixa ou nos abandona.

Que o Senhor aumente nossa percepção. Que em tudo, a todo momento e em qualquer circunstâncias possamos percebê-lo e ouvi-lo. Pois será essa Presença e essa Voz que nos fará triunfar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *