O Deus Que Nos Vê

Por Eguinaldo Hélio de Souza

Este foi o nome que ela deu ao SENHOR que lhe havia falado: “Tu és o Deus que me vê”, pois dissera: “Teria eu visto Aquele que me vê?”

 

Muitas vezes o sentimento de solidão e abandono nos domina. Nós nos sentimos desamparados por tudo e todos, até por Deus. Chegamos a pensar que Ele nos esqueceu e que caminhamos neste mundo à mercê de acontecimentos ruins que nos ferem e magoam. Achamos que nossos problemas e necessidades estão ocultos aos olhos do Senhor. Como Hagar no deserto, pensamos que é o fim, que a situação é demais para nossas forças, e não sobreviveremos. Isso é  um engano.

Deus é o Onisciente, Aquele que tudo sabe. Ele a tudo vê. Nem sempre compreenderemos seu aparente silêncio e sua aparente quietude. Sim, aparente, porque na verdade Ele nunca se cala, nunca se aquieta. Como diz o Salmo 121, o seu guarda não dorme. Não, o guarda de Israel nunca descansa nem dorme (v. 3,4 – Bíblia Judaica). Ele trabalha enquanto você dorme e fala enquanto você busca respostas. Como escreveu A. W. Tozer: Deus não está calado, e nunca esteve. Falar faz parte da natureza de Deus. Agora mesmo Ele tem uma palavra para você.

Deus não é nosso sentimento. O que sentimos não determina os fatos sobre Ele. Achar que Ele está longe não o torna distante, sentir-se esquecido não O faz esquecer-se de nós. Nem sua queixa muda o cuidado de Deus  por você. “e por que se queixa, ó Israel: “O SENHOR não se interessa pela minha situação; o meu Deus não considera a minha causa”? (Is 40.27). Sim, Ele considera todas as suas causas, pois sua vida pertence a Ele. E tempo vai mostrar que isso é verdade, como ele mostrou para Hagar no deserto.

Hagar não morreu. Ismael não morreu. Pelo contrário, suas vidas se prolongaram ao ponto de possibilitar a formação de um povo numeroso, pois Ismael é o pai dos árabes. A história daquela mãe e seu filho continuou porque  há um Deus que nos vê. Assim será com você. O Deus que vê você tem um plano e um bom propósito (Jr 29.11). Ele começou em você boa obra e a concluirá até o dia de Jesus Cristo (Fl 1.6).

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *